Avaliação isocinética de pico de torque e relação agonista/antagonista em jogadores de futebol da categoria sub-23

Marcus Vinícius da Silva, Iago Nunes Aguillar, Débora Dias Ferraretto Moura Rocco

Abstract


O futebol é considerado uma modalidade esportiva que solicita dos jogadores, além de, condições técnicas e táticas, diferentes formas de expressão da aptidão física, sobretudo a força muscular. Analisar o pico de torque e a relação agonista e antagonista, entre jogadores profissionais de futebol na categoria sub-23. Foram avaliados 24 jogadores profissionais de um clube vinculado a Federação Paulista de Futebol onde realizaram medidas antropométricas, bioimpedância e dinamômetria isocinética.  Como resultado foram obtidas a Média e desvio padrão: 53,4±6,27 (LD) e 51,1±6,01 (LND). Houve um pequeno déficit na relação agonista/ antagonista em média dos atletas e foi demonstrado que os zagueiros apresentam um déficit maior do que as demais posições.

Palavras-chave: Avaliação; Isocinético; Futebol; Força.

Soccer is considered a sports modality that demands of the players, besides, technical and tactical conditions, different forms of expression of the physical aptitude, mainly the muscular force. Aiming to analyze the peak torque and the agonist and antagonist relationship among professional soccer players in the U-23 category. We evaluated 24 professional players from a club linked to the Paulista Football Federation where they performed anthropometric measures, bioimpedance and isokinetic dynamometry. As a result Mean and standard deviation: 53.4 ± 6.27 (LD) and 51.1 ± 6.01 (NLD). There was a small deficit in the agonist / antagonist relationship in the average of the athletes and it was demonstrated that the defenders present a larger deficit than the other positions.

Keywords: Evalution; Isokinetic; Soccer; Force


Full Text: PDF

Refbacks

  • There are currently no refbacks.